CC BY-NC-ND 4.0 · International Journal of Nutrology 2018; 11(S 01): S24-S327
DOI: 10.1055/s-0038-1674908
Trabalhos Científicos
Thieme Revinter Publicações Ltda Rio de Janeiro, Brazil

Óleos e Gorduras Vegetais Não São Todos Iguais

Raquel Bonati Moraes Ibsch
1   Universidade Regional de Blumenau
,
Carolina Krebs de Souza
1   Universidade Regional de Blumenau
,
Mercedes Gabriela Ratto Reiter
1   Universidade Regional de Blumenau
› Author Affiliations
Further Information

Publication History

Publication Date:
27 September 2018 (online)

 
 

    Introdução: Cerca de 2/3 dos óleos e gorduras vegetais extraídos de plantas são utilizados em produtos alimentícios. Entretanto, é importante esclarecer que existem diferentes fontes de óleos e gorduras vegetais as quais influenciam em sua composição, bem como em suas características. Portanto, no momento de escolher o melhor óleo ou gordura para consumo é importante observar a sua composição.

    Objetivo: o objeto deste trabalho foi elaborar revisão bibliográfica para diferenciar os tipos de óleos e gorduras vegetais existentes.

    Metodologia: Esta revisão bibliográfica foi desenvolvida com base em artigos com Qualis A1 a B2.

    Resultados: Óleos e gorduras são importantes na dieta, porém, cada tipo possui uma composição diferente de ácidos graxo, com mais ou menos gorduras insaturadas. as gorduras insaturadas são constituídas por monoinsaturadas e poli-insaturadas. Estudos científicos indicam que a substituição das gorduras saturadas da dieta por monoinsaturadas deve ser incentivada a fim de auxiliar na redução dos níveis de colesterol LDL. Já as gorduras poli-insaturadas se classificam em ômega 3 e ômega 6. um balanço adequado em sua proporção pode auxiliar na prevenção de doenças cardiovasculares e crônicas degenerativas. Diferente do que muitas pessoas acreditam, nosso organismo necessita consumir gordura diariamente. Entretanto, existem gorduras que podem fazer mal à saúde, pois aumentam o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares (gorduras saturadas e trans); assim, devem ter seu consumo moderado. Já outras, podem ajudar a proteger nossa saúde (gorduras insaturadas). os óleos vegetais são compostos, princi.

    Conclusão: Verifica-se a importância de variar os tipos de óleo consumidos diariamente, pois a diversidade de lipídios é necessária para o organismo. Entretanto, a quantidade e o tipo de gordura que cada pessoa pode consumir são individuais, e depende das doenças previamente existentes. uma alimentação saudável é garantida pela variedade, equilíbrio e moderação de consumo.


    #

    No conflict of interest has been declared by the author(s).